Azáfama; grande atividade; agitação; rebuliço.

16
Set 09

Continua a fuga do ainda Presidente da Câmara de Viana do Alentejo para o abismo, vê o chão a fugir-lhe dos pés, os eventos da CDU no concelho já não são o que foram no passado, o último programa eleitoral 2005/2009 não foi minimamente cumprido, o povo sente-se enganado, está magoado, as medidas e as promessas não passam de ilusões no papel, as listas são genericamente mediocres, aparecem lá carantonhas em lugares chaves para ficarem caladinhas. O chefe não quer barulho e por isso compra os opinion makers mais influentes no eleitorado tradicional da CDU em cada freguesia, dá-lhes um lugarzito para ficarem surdos, mudos e cegos, os filhos coram mas agradecem.

 

Enche autocarros, empaturra os velhotes, passeia com eles, faz-se de bonzinho, oferece muitas coisas, a toda a gente, mesmo àqueles de quem dizia mal num passado recente. Para esta estranha forma de gestão, o Eng.º Sócrates é o mauzão, aí está um inimigo externo contra o qual todos têm de se unir, assim não chateiam os erros da desgraça interna, há sempre um bode expiatório, encarna todos os males do planeta.

Manda toneladas de alcatrão para os buracos a um mês de eleições para mostrar "obra", entretanto os canos apodrecem, a saúde da população fica pior, o desemprego aumenta, o apoio social é escasso, as vilas mais feia. Os barões locais da construção civil continuam tentar vender num projecto falido, sem ideias, sem realismo, mas com medo de perder poder, com receio que outros venham conhecer os polémicos e engatados dossiers.

Faz-se de vítima e põe-se a jeito, diz que os outros portaram-se muito mal com ele, assim já não quer brincar mais, na sua opinião, os do PS dizem palavrões, chamam-lhe nomes, agridem-no, fazem não sei mais o quê, pobrezinho, tanta pena, o povo fica enternecido e coloca-se sempre ao lado das vítimas...

 

Mas as pessoas têm cada vez menos medo de perseguições políticas, a democracia local cresce porque as pessoas têm opinião, ousam criticar e olhar directamente para aqueles que se julgam donos da verdade, enfrentam quem já encheu muito os bolsos à custa dos trabalhadores, há meios inovadores de diálogo num concelho há 16 anos caladito. Surgem novas pessoas, outra matéria cinzenta, ideias pragmáticas, um projecto coerente a curto/médio/longo prazo, os jovens participam, o analfabetismo baixou e o interesse da gestão pública cresceu, os trabalhadores acreditam em melhores dias. A candidatura do Bengalinha Pinto é risiliente, nasceu uma nova esperança e com muito movimento.

publicado por polvorosa às 00:01

“ATÉ UM RELOGIO PARADO TEM RAZÃO... DUAS VESES POR DIA”
Duas veses senhor presidente, você anda mesmo muito nervoso.

“….a Presidente da CCDR chamou a si a gestão dos cerca de 80 milhões que por ineficiência do Governo estavam para devolução a Bruxelas, e então passou a fazer uma gestão "criteriosa" onde as autarquias socialistas ficam com a fatia de leão dos fundos.”
Está a ver senhor Estêvão porque é que o concelho só tem a ganhar em ser da cor do governo?

A ideologia que vocês corromperam, já não vos sustenta, vocês estão profundamente feridos pela contradição, intrigas internas e principalmente porque repetidamente não cumpriram o que prometeram.

Só com pragmatismo e qualidade conseguiremos construir um futuro melhor para os nossos. A sua equipa, não tem, nem uma coisa nem outra, e pior que tudo, digam o que disserem já ninguém acredita em vocês.
Anónimo a 16 de Setembro de 2009 às 00:41

"...as listas são genericamente mediocres"
Permita-me perguntar-lhe de onde conhece estas pessoas, para as estar a ofender e a substimar?
Não foram estas mesmas pessoas(medíocres) que o receberam muito bem cá em Aguiar?
Por acaso já alguem o ofendeu?
A mim parece-me que você e o Luis Pedro não utilizam a melhor táctica para fazer política, e acho que não devemos fazer aos outros o que não queremos que nos façam a nós.toda a gente tem direito a fazer parte das listas e não podemos ser todos formados.Já viu se fosse-mos todos doutores?
anonimo a 16 de Setembro de 2009 às 17:18

Caro Sr.

Não estou a ofender ninguém em particular. Estou a referir-me à lista na generalidade que acho que não as pessoas no conjunto não têm as competências necessárias para responder às prioridades e necessidades actuais do concelho. Considero algumas pessoas desta lista excelentes pessoas mas acho que não servem para os lugares a que se candidatam.

Não tem nada a ver especificamente com Aguiar. Falei da minha opinião sobre as capacidades da llista da CDU para a Câmara, para a Assembleia Municipal, para a Assembleia de Viana, Assembleia de Alcáçovas e também para a Assembleia de Aguiar. Em 2005 parecia-me melhor, tinha outras pessoas, os nomes não eram repetidos para vários órgãos.

Mediocridade não tem a ver directamente com estudos. Há muitas pessoas com excelentes capacidades portadoras de poucos estudos e também há pessoas com graus académicos que revelam poucas aptidões.

Mas o pior desta lista é que serve-se das pessoas que dão o nome e a cara para legitimar um projecto sem pés nem cabeça do Sr. Estêvão Pereira e do Sr. João Garcia que nos fartam de pregar petas, não sei se está a ver.

Na minha opinião, se preferir podemos diz assim "...as listas são genericamente fraquinhas".
polvorosa a 16 de Setembro de 2009 às 17:52

Ainda não me ouviu falar em listas mediocres concerteza, até porque tenho amigos na vossa lista, que espero não deixar de ter por razões politicas.

? isto quer dizer interrogação, e este foi o unico termo que utilizei para catalogar a lista. É uma bela lista, tem montes de gente, uns são rapazes e outras raparigas.

Querem melhor que isto?

Ora aqui vai, há uns mais velhos e outros mais novos e se ganharem governam o municipio durante 4 anos.
peixebanana a 16 de Setembro de 2009 às 18:56

Concordo inteiramente contigo João as listas da cdu são uma anedota, se sabes ou te disseram que as pessoas que fazem parte das listas já disseram mal e muito mal da gestão da Câmara de Viana e principalmente do Presidente é verdade, como também o é nas listas do movimento do ps. Uns são escolhidos a dedo e os outros auto-escolhem-se. Preparem-se meus senhores e lembrem-se que a maioria da população, não faz parte de tretas de listas nenhumas e estão a ficar fartas de tanta palhaçada.
Anónimo a 17 de Setembro de 2009 às 09:14

Correio electrónico:
polvorosa@sapo.pt
comentários recentes
Deslize ou talvez não a despedida não é inédita. "...
"De lembrar que no contexto mais difícil desde que...
Respeito o seu comentário, mas eu cá acho que foi ...
Achei descabido a alusão a Eusebio no discurso da...
Estatisticas de funcionários nas autarquias a níve...
pesquisar neste blog
 
links
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links