Azáfama; grande atividade; agitação; rebuliço.

05
Jun 08

Hoje foi certamente um dia dificil para o Eng.º José Sócrates. Teve de levar com uma moção de censura do CDS/PP e apanhar do Dr. Paulo Portas (onde é que já se viu a formiga a ter catarro). À tarde mega-manifestação organizada pela CGTP com quase 200.000 manifestantes! E como se isto não chegasse, o Poeta Manuel Alegre juntou-se à festa na grande entrevista com Judite de Sousa para atirar mais uma farpas. Do que ouvi na entrevista pareceu-me tudo certo, mas não consigo perceber como é que ele não é mais consistente. Traduzido por miúdos, na terça-feira esteve num comício-festa ao lado de Francisco Louçã, mas que diabo, o que quer ele? Mais votos do renovadores do PCP ou do eleitorado de extrema esquerda? Talvez, mas não se pode estar bem com Deus e com o Diabo, há que fazer escolhas claras e inequívocas tanto na vida como na política. Concordo com a sua análise socio-política do país, mas sejamos politicamente honestos e tomemos atitudes corajosas e clarificadoras.

No PS actualmente gravitam personagem de ficção científica, tal como Vitalino Canas ou José Lello que para além de um debate sério e com base em argumentos políticos, mais parecem estar preocupados com os seus cargos institucionais, ou seja, tachos. Que partido sério quer este tipo de pessoas como porta vozes ou como cães de guarda "epistemológicos"? Veneno de Deus e Remédio do Diabo.

publicado por polvorosa às 22:47
tags:

Contador
Correio electrónico:
polvorosa@sapo.pt
comentários recentes
Deslize ou talvez não a despedida não é inédita. "...
"De lembrar que no contexto mais difícil desde que...
Respeito o seu comentário, mas eu cá acho que foi ...
Achei descabido a alusão a Eusebio no discurso da...
Estatisticas de funcionários nas autarquias a níve...
pesquisar neste blog
 
links