Azáfama; grande atividade; agitação; rebuliço.

08
Fev 11

 

Sétimo erro capital: Hipocrisia política

 

O Vereador Estêvão Pereira durante largos anos Presidente da Câmara de Viana do Alentejo é um brincalhão de primeira apanha, esta história faz-me lembrar o bébé que é deitado fora com a água do banho. Estêvão Pereira raramente conseguiu aceder a fundos comunitários, deixou passar oportunidades incríveis nos QCA e no QREN, nunca criou uma equipa de técnicos qualificados para elaborar candidaturas a projectos, deixou que outros municípios agarrassem com unhas e dentes dinheiro que permitiria progredir o concelho de Viana do Alentejo em matéria de equipamentos, serviços e qualidade administrativa.

Já depois de gantir uma reforma vitalícia e choruda do Estado por ter sido eleito autarca aos trinta anos sem experiência profissional, foi agora repescado para a Vidigueira (depois de fazer a CDU perder as eleições autárquicas em Viana) onde ficamos a saber que recebe actualmente 39.960 euros para prestar assistência técnica operacional no âmbito do QREN.

 

O bizarro desta história é este mesmo Sr. Estêvão Pereira ter, enquanto político eleito actualmente como Vereador em Viana, votado numa reunião do executivo de Viana do Alentejo contra a celebração de um contrato de avença (apoio na preparação de candidaturas), passo a transcrever o conteúdo dessa acta (pág. 12, 13 e 14):

 

"Assim, o senhor Presidente propôs à Câmara Municipal a emissão de parecer favorável quanto ao cumprimento da condicionante a que se refere a alínea a) do n.º 2 do referido artigo 35.º da Lei n.º 12-A/2008, de 27 de Fevereiro, na redacção actual.

A proposta foi aprovada com três votos favoráveis e dois votos contra por parte dos senhores Vereadores Estêvão Pereira e José Jacinto.

- O senhor Vereador Estêvão Pereira perguntou qual o valor da avança em causa, tendo o senhor Presidente informado que no máximo será de 850,00 € mensais, acrescido de IVA.

- O Senhor Vereador Estêvão Pereira justificou o seu voto contra pelo facto de considerar que as actividades a executar pelo contratado têm subjacentes necessidades permanentes dos Serviços não compatíveis com uma contratação em regime de avença."

 

Ora, pudemos aferir que o currículo técnico em causa parece ter mais experiência do que o curriculo político do Sr. Estêvão. Provavelmente a Vidigueira até tem recursos humanos mais qualificados para elaborar candidaturas, se atendermos ao histórico de apoios comunitários, do que propriamente Viana do Alentejo. O preço contratual é quatro vezes inferior.Só para comparar, basta ver que o Sr. Estrêvão Pereira recebe 39 960 € na Vidigueira e vota contra a atribuição de 10 200€ a quem vai prestar o mesmo serviço em Viana do Alentejo. Estranho, numa altura em que a palavra de ordem é poupar para obter mais eficiência. Quando se realizou esta reunião o Sr. Estêvão já tinha o seu contrato publicado por isso não posso deixar de estranhar esta hipocrisia política.

 

Não consigo compreender, o Sr. Estêvão Pereira com esta atitude bipolar, por um lado, está a dizer que o seu contrato de prestação de serviços na Vidigueira na realidade não tem qualquer razão de existir porque "não é compatível com uma contratação em regime de avença" e por outro lado, acha que o anterior Presidente da Câmara de Viana do Alentejo devia ter reforçado o quadro de pessoal o que não é menos grave porque foi ele próprio Presidente durante 16 anos e o consequente responsável por essa lacuna.

 

Pasme-se, ele há com cada um, este Sr. Estêvão continua a debitar moral e bons costumes, mas mais importante do que as palavras que debita são as suas próprias acções e quanto a isso a sua prática não engana. Ao longo da rubrica 7 Pecados Mortais, vimos como o Sr. Estêvão Pereira arruinou um concelho que agora vai demorar a encontrar um rumo de desenvolvimento, com a cumulante actual crise e austeridade nacional, porém, com esperança e muito trabalho do actual executivo, Viana do Alentejo vai recuperar o tempo perdido.

publicado por polvorosa às 21:18

Muito bem observado. Ainda assim o Sr. Pereira conseguiu iludir as pessoas durante tempo demais.
Agora completamente fora de moda, mal preparado, não diz uma para a caixa.
Apenas transpira um monte de contradições.
Anónimo a 8 de Fevereiro de 2011 às 21:40

E o dono deste blog? Quanto irá ganhar quando for para Sociologo na câmara de Viana? Humm... Uma coisa é certa, alguns dos que fizeram parte das listas irão ficar de fora, porque não conseguem mete-los lá todos. E ai é que a porca vai torçer o rabinho, principalmente para os que estão a fazer conta de entrar...
Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 05:00

Se percebesses o que quer dizer "necessidades permanentes dos Serviços não compatíveis com uma contratação em regime de avença", entenderias melhor o que estava em causa.
Se tivesses uma posição equidistante e não completamente alinhada com o partido socialista e com o Bengalinha que se prepara para te estender a mão para te alimentar, poderias emitir opinião com alguma credibilidade. Assim, estás apenas a a tentar desviar as atenções de ti. Enquanto falas nos outros, pode ser que escapes.
Confundir uma avença com a prestação de serviços a uma empresa demonstra que não percebes nada disto, nem das regras nem das condições.
Foi uma boa ideia, esta dos 7 pecados mortais, ainda recentemente uma ex governante socialista os usou para falar do PS e do Socrates.
Brevemente vamos começar a elencar oas presentes pecados mortais. Se 7 não forem suficientes, acrescentamos o numero.

Pergunta ao Pacheco que ele explica as diferenças.
Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 10:31

Estou farto de ouvir falar no Pacheco.
Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 11:55

Quero comentar para dizer que sempre fui comunista mas acho que o Estevão não merece ser candidato a mais nada, nem devia lá estar, não devia ter usado o Teresa como uma pastilha elástica quando lhe interessou, se ganha este dinheiro todo como aqui aparece não o merece e acho injusto andar a mamar numa grande teta depois de ter feito tanta merdice.
Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 12:13

E eu quero dizer que sempre fui socialista e acho uma vergonha o Pacheco e o polvorosa aproveitarem-se da camara ser socialista para irem mamar na teta.
Também acho que a Gabriela e o beijinho têm sido os parentes pobres do PS ca da terra e isso não se faz a ninguem. Quem ganha com isto são os Zicos porque estão com a Gabriela quando ela tá na mó de cima e depois com o Bengalinha quando ele tá na mó de cima.
Estes ganham sempre e os outros coitados, especialmente os jovens, andam a polir esquinas, o que lhes vale é que guardaram as tshirts verdes, assim pelo menos poupam a sua roupa.
è injusto, pá.

Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 13:52

E eu quero dizer que sempre fui Salazarista e que é vergonhoso o que se passou em Portugal nos últimos anos. Primeiro chegaram os comunistas e mamaram isto tudo e a seguir vieram os socialistas e venderam o resto. Assumam-se fascizódes de meia tijela!
deolindo a 9 de Fevereiro de 2011 às 22:22

Uns bandidos esses Zicos, toda a sua vida tem sido dedicada a prejudicar a nossa terra. Toda a gente sabe disso...
Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 22:54

Ainda quer ser candidato outra vez da CDU, ponham ordem na farsa porque com este o bengalinha está seguro à frente da camara.
Anónimo a 9 de Fevereiro de 2011 às 22:57

O Bengalinha até se mija as pinguinhas só de pensar que tem que ir a eleições outra vez. Depois de 4 anos a enterrar o Concelho e a esbanjar favores para os seus boys vai ser bonito vai.
Se o Estevão lá for outra vez dá-lhe de calcanhar.
Francamente, acho que não vai, pelo menos não me parece. Mas como o PS está a conduzir o concelho e a tremideira que se sente todos os dias basta a cdu organizar-se e o Bengalinha sabe isso muito bem. Já se viu este filme, está tudo a acontecer outra vez.
Anónimo a 10 de Fevereiro de 2011 às 10:02

Ah pois, de calcanhar OK, pareces o craque ronaldo, mas depois o Messi é que ganha sempre o melhor do mundo e leva as taças, não queiram abrir a pestaninha e largar o Estevão e a Ritinha que vão ver para onde vão.
pereirinha a 10 de Fevereiro de 2011 às 11:09

Isto da politica é uma coisa muito complicada, e quando há favores em jogo vale tudo! Mas sinceramente, fazem-me confusão algumas coisas, e pergunto-me!? Que necessidade tem o dono deste blog de falar dos ultimos 16 anos dos anteriores eleitos, se já lá estão os que ele quer? Não vale a pena bater mais na mesma tecla, ainda para mais este sr. mora em aguiar há meia duzia de anos ou nem isso! Mas pelos vistos acompanhou bem o assunto e o que se passou desde há 16 anos para cá, como se tivesse crescido cá, visto que fala com tanta convicção no assunto! Toda a gente percebe que está a puxar a brasa à sua sardinha, não somos parvos! Não seja é hipócrita em falar de coisas que ouve e que lhe contam, mas que nem presenciou ou acompanhou, ou se acompanhou foi só no finalmente! Vale mais deixar o passado e preocupar-se com os que estão a gerir presentemente o nosso conselho, neste momento esses é que interessam! E oxalá que no resto do mandato façam a diferença, porque até agora ainda não se viu a tal mudança, até agora foi simplesmente mais do mesmo! Em relação ao que o estevão ganha, tambem acho um perfeito disparate, e desnecessário, mas infelizmente este pais está cheio de estevãos pereiras de todos os quadrantes politicos! Há na vidigueira, em viana, enfim em todo o lado... E isso é um dos grandes motivos da crise que o país está a atravessar, é o comudismo e despreocupação de quem está no poder, o tráfico de influencias, e a luta por um tão apetecido lugar ao sol juntando-se aos que demais lá estão só com um objectivo! Encher os bolsos!!!!
Anónimo a 10 de Fevereiro de 2011 às 11:28

Fundamentalmente importa não esquecer a dupla dimensão tempo e espaço. Este post pôs a nu a incoerência total de um vereador eleito em Viana do Alentejo que às segundas, quartas e sextas diz uma coisa e depois às terças, quintas e sábados faz exactamente o contrário. Comente sempre, a liberdade aqui é plena, independentemente se vive em Viana há mais ou menos de 6 anos.
polvorosa a 10 de Fevereiro de 2011 às 14:13

Este senhor Antunes anda a mendigar as migalhas da camara ps e é um dos que vai ficar associado a este clima de graxismo que se sente a alastrar por todo o concelho. A incoerencia do individuo vem de falar do que não sabe, opinar sobre o que desconhece, afirmar o que não é verdade e no meio de tudo isto, tentar dar um ar de entendido em alguma coisa, ou em todas as coisas.
Tristes personagens de quem nunca ninguem ouviu falar, até chegarem as nossas terras. São estes cucos que se mostram e depois se escondem quem na verdade tenta, cada vez mais isoladamente segurar o poder que já se percebeu não tem sustentação.
Os primeiros a perceber foram os PPDs que lhes deram o voto em massa mas que não voltam a repetir a gracinha. Já viram tudo. Este sr Antunes, é um mais refinados especimens do graxisto saloio de quem tenta segurar-se a qualquer custo. Assim como as carraças.
Anónimo a 10 de Fevereiro de 2011 às 14:56

Anónimo das 14:56, temos pena, mas argumentos sobre o post, zero, tão somente uns insultos e vómito verbal, estou habituado a essa pesporrência de pseudo-responsável que levou este concelho a um estado de coma profundo.
polvorosa a 10 de Fevereiro de 2011 às 22:33

Camarada, dos outros, enquanto PPD, posso-lhe garantir que se for preciso voltar a votar no senhor Bengalinha nas próximas eleições, fá-lo-ei sem problemas nenhuns. O que é preciso é consolidar esta vitória da democracia que se traduziu no afastamento de uns quantos, poucos, que, à sombra do PC se comportavam como donos das nossas terras. É preciso garantir que no futuro o nosso concelho seja sempre conduzido por pessoas na área dos partidos do poder, que é como quem diz, PSD e PS. O resto até pode ser muito bonito, mas é só paisagem. Só assim, com gentes de trabalho e dedicação, este concelho irá para a frente. Por isso, senhor Bengalinha, desejo-lhe as maiores felicidades e votos de um bom trabalho que, talvez ainda não nas próximas, mas nas seguintes, é a nossa vez!
Anónimo a 12 de Fevereiro de 2011 às 19:05

Estevão
Rita
Vera
Maria Teresa
Pedro
e mais meia dúzia de peixes miúdos teleguiados.

Finjam que vão aos sanitários e saiam de cena. Vocês poluem todo o ambiente no Concelho. Até o vosso próprio partido estão a queimar. Deixem caminho para outras pessoas com a mente mais arejada que possam fazer alguma oposição credivel.
O vosso tempo passou, é como o salazarismo, morreu e já não volta.
Anónimo a 10 de Fevereiro de 2011 às 17:57

Está enganado quanto ao Salazarismo, peça também para ir à casa de banho e desapareça com os camaradas.
Anónimo a 11 de Fevereiro de 2011 às 00:09

concordo com a perspectiva exposta no texto. o jovem estêvão a quem nós já estamos a pagar a reforma, tem gravíssimos problemas na coluna vertebral (há quem diga que desde a adolescência), que lhe provocam fortes ataques de demagogia e hipocrisia generalizada. prevejo o pior, nunca recuperará. para isso era preciso que conseguisse mostrar às pessoas algumas competências. por exemplo, criar pela sua mão - com o seu dinheiro, o seu suor e a sua tão auto-proclamada competência - uma empresa, ou coisa do género, que medrasse, criando postos de trabalho para esse povo de quem tanto gosta de se julgar porta-voz. gostava mesmo de o ver trabalhar esforçadamente como o comum dos mortais, criando riqueza, sem que para isso tivesse de estar sempre alapado à teta estatal. isso sim, isso é que era de valor!!!
Anónimo a 10 de Fevereiro de 2011 às 21:51

Pelo que se sabe o estevão é socio de uma empresa há mais de 20 anos e que tem 9 ou 10 postos de trabalho criados e que comem de lá todos os dias. E vª Exªa com a sua super capacidade, o que já fez na vida para poder dizer que ajudou ou ajuda alguêm, para além de se ajudar a si próprio?
Conte aqui para o podermos aplaudir.
Anónimo a 14 de Fevereiro de 2011 às 09:41

Proponho a entrega de uma medalha municipal de mérito por tanta responsabilidade social empresarial e criação de tanto emprego, este sim é um verdadeiro empresário à maneira antiga, ah sim, e uma estátua de bronze a boa maneira egipcia.



Custódia a 14 de Fevereiro de 2011 às 17:01

Grande empresário não haja dúvida. Alinhou como sócio numa empresa de contabilidade enquanto era presidente. Funcionava assim como uma mais-valia para angariar clientes.
Se tivesse um pouco de vergonha nunca tinha alinhado nesse negócio.

É tal e qual como o ex-vereador/empreiteiro de nome Isidro que montou um gabinete de projectos. Neste caso fazia os desenhos de manhã e aprovava-os à tarde.
Grandes empresários estes que montaram os seus negócios à sombra dos lugares políticos que detinham na Câmara.
Viva o PCP, partido dos trabalhadores.
Anónimo a 15 de Fevereiro de 2011 às 20:58

Nove ou dez postos de trabalho? És mesmo um mentiroso compulsivo! Até pode ser sócio, mas a verdade é que sou cliente dessa dita empresa há muitos anos e nunca vi lá tão portentosa criatura. Deve ser só sócio CAPITALISTA !!!
Anónimo a 15 de Fevereiro de 2011 às 20:22

Bem, a parvoice devia ter um limite.
Este sr que é dono do blog só pode ser uma pessoa de vistas limitadas para permitir este tipo de comentarios. O Estevão e o Isidro, entre muitos outros, cada um na sua posição têm feito mais por Viana e pelo concelho do que todos este bacocos que para aqui vêm dizer mentiras e parvoices.
Quem permite isso, só pode ser mais um parvo.
Anónimo a 19 de Fevereiro de 2011 às 21:50

Que o Isidoro quando vereador fazia os projectos de manhã e aprovava-os à tarde é uma verdades que toda a gente sabe. O que têm feito pelo concelho fizerem-no, muitas das vezes mal, com o nosso dinheiro, nada de especial. O senhor Estêvão e e o senhor Isidoro são, com mais alguns camaradas do nosso concelho, tipo Joões Garcias e outros que tais, a escumalha que não vendo oportunidade de facturarem no PS - sim eles andaram por lá! - se mudaram-se de armas e bagagens para o partido que por cá na altura estava a dar, o PCP. Um partido dois sistemas, são estes os novos ricos cá da terra, g'anda chineses !!!
Anónimo a 21 de Fevereiro de 2011 às 20:27

Contador
Correio electrónico:
polvorosa@sapo.pt
comentários recentes
Deslize ou talvez não a despedida não é inédita. "...
"De lembrar que no contexto mais difícil desde que...
Respeito o seu comentário, mas eu cá acho que foi ...
Achei descabido a alusão a Eusebio no discurso da...
Estatisticas de funcionários nas autarquias a níve...
pesquisar neste blog
 
links